• Palato

Doença celíaca: você sabe o que é?

No Dia do Celíaco, temos uma pergunta: você conhece alguém que tem sensibilidade ou intolerância ao glúten? Sabe o que é essa substância? E onde ela é encontrada? Então você precisa ler o nosso post de hoje! Sensibilidade, intolerância e doença celíaca são reações exageradas do sistema imunológico ao glúten, proteína encontrada em cereais, como o trigo, a cevada, o centeio, a aveia e o malte. Ele está presente na composição de bolos, de biscoitos, de sobremesas e até de cervejas. A doença celíaca é uma condição crônica e autoimune de quem sofre de intolerância a essa substância.

O corpo de quem sofre de uma dessas condições não possui a enzima responsável por quebrar o glúten no organismo. Como a proteína não é absorvida corretamente, o sistema imunológico reage com alguns sintomas, como com mal-estar, barriga inchada, enxaquecas e queda de cabelo.


Todos esses sintomas é o corpo sinalizando a inflamação que acontece no intestino delgado. A doença afeta adultos e crianças com predisposição genética, causando atrofia da mucosa do intestino, e dificulta a absorção de nutrientes, de sais minerais e até de água. Se não buscar tratamento, o celíaco pode desenvolver problemas graves, como o câncer de intestino.


Entendendo a doença


É comum os sintomas aparecerem na infância, logos nos primeiros anos de vida, quando a criança é apresentada a papinhas de trigo, sopinhas de macarrão e biscoitos. O diagnóstico precoce pode evitar deficit de crescimento e até desnutrição!

Em alguns casos, a doença é assintomática até a fase adulta, agravando a condição silenciosamente e trazendo quadros graves de infertilidade e osteoporose antes da menopausa, nas mulheres, por exemplo.


A doença ainda não tem cura, e, para acabar de uma vez por todas com os desconfortos e o perigo de se transformar em uma doença mais grave, o paciente deve parar de ingerir qualquer alimento que contenha glúten. Um dos caminhos para substituir o glúten na dieta é optar pelo consumo de raízes, farinha de milho ou de arroz.


Mas ATENÇÃO: o diagnóstico preciso é superimportante! Por isso, procure auxílio médico. Não é aconselhável cortar alimentos que contêm glúten sem antes passar por exames específicos. Sua saúde merece toda a sua atenção!


Entre para o clube, baixe o app do Palato, aproveite os descontos e conteúdos exclusivos.

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram

Um projeto do Palato.com.br

EMX©2020