• Palato

Proteínas: saiba escolher os cortes mais magros



O consumo de proteínas numa dieta balanceada é fundamental, pois são elas as responsáveis pela construção do tecido muscular, produção hormonal e especialmente para um perfeito funcionamento do sistema imunológico. Aos praticantes de atividade física, as proteínas trabalham na recuperação, regeneração e aumento da massa magra. Lembrando que cada indivíduo tem uma necessidade específica.

As proteínas animais, preferencialmente as carnes vermelhas possuem uma maior biodisponibilidade de ferro do que as proteínas vegetais, e alguns cortes apresentam menor concentração de gordura entre as fibras. Selecionei os corte mais magros que irão te ajudar na próxima ida ao supermercado:


6. Músculo - 7g gordura

12. Filé mignon - 9g gordura

15. Maminha - 7g gordura

17. Patinho - 7g gordura

18. Coxão duro - 9g gordura

19. Coxão mole - 9g gordura 20. Lagarto - 9g gordura

O patinho é minha predileta e super versátil. Além de ter apenas 7g de gordura em cada 100g, tem várias opções de consumo, como exemplo a carne moída de patinho com ervilha para o almoço, e o hambúrguer caseiro com cebola roxa picada e páprica picante para o lanche. Já para o jantar, uma ótima escolha é a carne cozida, picadinha em cubos com cenoura e brócolis.

Contribuidor do blog: Keny Torres CRN 13130 Nutricionista com especialização em nutrição aplicada à gastronomia, estudou culinária saudável e vegana em Nova York, atualmente é sócio do NutriChefs pelo Brasil, nutricionista do Spa Engenho do corpo, e criador do e-book Nutrição e Gastronomia Esportiva. Além disso, realiza palestras e cursos de culinária por todo o país. Keny Torres tem seu atendimento direcionado às pessoas que buscam qualidade de vida, desde esportistas, vegetarianos e veganos, obesos, adolescentes a melhor idade. 


Entre para o clube, baixe o app do Palato, aproveite os descontos e conteúdos exclusivos.

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram

Um projeto do Palato.com.br

EMX©2020