• Palato

Carboidrato X performance

O carboidrato (CHO) é um macronutriente composto basicamente por moléculas de carbono, oxigênio e hidrogênio. Além disso, é a fonte primária de energia para o nosso corpo. Em sua digestão e absorção, os carboidratos são transformados em moléculas de glicose (açúcar), que, por sua vez, entram no metabolismo energético, gerando energia para o nosso maquinário celular.

Sendo o carboidrato a primeira fonte de energia para o nosso corpo (entenda como fonte mais rápida), é muito importante entender o contexto em que ele está inserido. Essa qualificação se dá pela enorme demanda e pelos inúmeros caminhos metabólicos do corpo, que exigem glicose, molécula originária da digestão e absorção dos carboidratos.


A demanda é tão expressiva que o sistema nervoso se utiliza única e exclusivamente dos carboidratos para o seu funcionamento, diferentemente do resto do nosso organismo, que pode utilizar outras fontes para obter energia. Nesse contexto, quando ocorre a privação de carboidratos no nosso corpo, adivinhem quem é o primeiro afetado? Isso mesmo, o sistema nervoso! Pouco carboidrato e saúde não combinam na mesma frase.


E como os carboidratos ajudam na atividade física?


O princípio da performance e do desempenho se dá em exercer o esforço de forma mais rápida, precisa e econômica (energeticamente falando). Nesse caso, indivíduos que consomem mais carboidratos conseguem gerar mais energia, de forma mais rápida e, em teoria, possuem a capacidade de desempenhar de forma melhor a atividade que estão exercendo. Além disso, o carboidrato ainda desempenha um papel fundamental na modulação do estresse (cortisol), na recuperação muscular pós-exercício, através do sistema imunológico, e ainda a recuperação dos estoques de glicogênio musculares (reserva de carboidrato do nosso músculo), fatores que são indispensáveis para se obter o ganho de massa muscular em praticantes de musculação por exemplo.


Os carboidratos são essenciais para o funcionamento do corpo, para a saúde, para o melhor desempenho em atividades físicas e ainda para o ganho de massa muscular. Então por que ter medo do carboidrato? A resposta para essa pergunta é simples: você não precisa ter medo do carboidrato, muito menos demonizá-lo. Todo consumo em moderação e com as recomendações adequadas para o seu caso não irão prejudicá-lo em nenhum sentido.


E já que estamos falando de carboidrato, que tal falarmos um pouco de uma queridinha nossa, a batata yacon? O yacon (smallanthus sonchifolius) é uma planta originária da Cordilheira dos Andes cujas folhas e tubérculos são consumidos há milhares de anos pelas culturas incas.

O tubérculo yacon, conhecido como batata yacon, é empregada como coadjuvante no tratamento de colesterol alto e de diabetes, pois esse tubérculo possui frutano, um tipo de  carboidrato não absorvido pelo trato digestivo, possibilitando assim uma menor flutuação na glicemia após o seu consumo. Motivos para comer carboidrato não faltam, então por que não experimentar outras fontes, como o da batata yacon, e descobrir novos sabores e delícias culinárias?


Mylena Porto - Nutricionista Esportiva


Entre para o clube, baixe o app do Palato, aproveite os descontos e conteúdos exclusivos.

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram

Um projeto do Palato.com.br

EMX©2020